31 de ago de 2016

O verbo "tramar" na política

Observa-se que, no processo do Impeachment, o verbo “TRAMAR” foi usado na maioria das conjugações. Com o passar dos eventos, mentes torpes o usaram no gerúndio “foram tramando”, mas esqueceram que, o povo não é otário para ser enganado. Ficou bem claro os  conchavos políticos que ocorreram, para acalmar a sociedade em suas reivindicações e para salvarem lobos ocultos em lã de cordeiro.

As delações se avolumam e todos temem ser o próximo investigado, desta forma, o resultado foi um complô conjugado, no particípio passado onde tudo foi “tramado”. O que esperar de um Senado corrompido por descalabros institucional, o que esperar de um presidente do Senado e do Supremo Tribunal Federal, que tem como dever zelar, pelo cumprimento da Constituição permitem, que a ideologia política seja superior a imparcialidade?

E o povo discute, as redes sociais se inflamam com frases pejorativas, em ameaças de exclusão de amigos oponentes, os  pensamentos nocivos se multiplicam enquanto, os artistas do circo da corrupção, nos menosprezam atrás das cortinas.


Nesta data a justiça não venceu, mas a “trama” se evidenciou. Creiam que este assunto não se esgotou e que, de acordo com as circunstâncias, estes personagens estarão dispostos a focar uma meta no futuro, “nós tramaremos”.

26 de ago de 2016

Poesia - Duo

TU, meu sonho que mergulha
Na atemporalidade da utopia
EU, passageira da temporalidade
Faço o percurso em tua companhia
Invadimos o infinito, o arco-íris
Assim, ludibriamos a densa noite
Abrimos as portas da felicidade
Desvendamos mistérios da magia
Das tênues sensações e emoções
Que conduzem aos sentimentos
Aspirações ousadas se frutificam
Entre os verbos querer e realizar
Inconsciente luto pela sobrevivência
Não quero o alvorecer, novas manhãs
E despertar na funesta realidade
Vestir-me de ossos, carne e pele
Perambular por restritos caminhos
Conviver com a mudez da alma.


18 de ago de 2016

Crônica - Sono Reparador





Dialogar com a mente é possível desde que, o indivíduo seja seleto em seus pensamentos. No início parece impossível, mas a técnica da meditação nos proporciona a limpeza mental, desta forma, a mente descansa das atividades cotidianas e, em outra dimensão, ocorre um monólogo mental silencioso, para ordenar as atribuições do próximo dia.
Tenho por hábito deitar ainda desperta para exercitar movimentos respiratórios ordenados. Após fixo minha visão interior em algo de interesse, como o esvoaçar de borboletas. Quando me sinto envolvida por milhares de borboletas concluo que, a mente esvaziou e está apta para o repouso.
Após exercícios é hora de relaxar o físico, extrair do cosmo fluidos benéficos e sorrir para a noite. O resultado é um sono reparador.

11 de ago de 2016

Acróstico - Despertar

Despertar  sorrindo para um novo ciclo
Entre consciência e ausência de ousadia
Seleção da memória sobre o útil e urgente
Para ultrapassar desafios e metas traçadas
E assim, o homem permuta em sua jornada
Realidade por desejos, sonhos e fantasias
Troca suas energias com o marco universo
Acredita que vida é apenas transitoriedade
Redireciona o olhar para rota da liberdade.

2 de ago de 2016

Indrisos - Intempérie

Intempérie

Ruídos de passos miúdos e apressados
Fogem da chuva fria e interruptiva
Que molha calçadas escorregadias


Vestuários colados, sapatos alagados
Frio intenso perpassa o corpo físico
Soluços persistem no respirar vital


A sensibilidade aflora em lágrimas

Pois emoções congelam utopias.